Buscar
  • Amvarp

Prefeitos da região aguardam decreto do Estado para definirem tamanho da retomada no comércio


Uma reunião entre os prefeitos dos municípios associados à Amvarp e ao Cisvale nesta segunda-feira, 30, em Santa Cruz do Sul, decidiu pela reabertura gradativa do comércio na região a partir de quarta-feira, 1º de abril. Porém, o tamanho da flexibilização ainda vai depender de novo decreto do governo do Estado e orientações do Ministério da Saúde.


Segundo o presidente da Associação dos Municípios do Vale do Rio Pardo (Amvarp), Rafael Barros, a intenção é manter o foco na prevenção contra a disseminação do coronavírus, e ao mesmo tempo dar uma resposta à pressão da comunidade, que, em parte, clama pela reabertura da atividade normal das empresas e lojas.


Já os estudantes das escolas públicas ficarão pelo menos até o dia 20 de abril sem aulas, seguindo recomendação da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação.


“Decidimos que as aulas ficam suspensas até o dia 20 de abril. Vamos aguardar ainda um decreto do governo do Estado e novas orientações do Ministério da Saúde sobre algumas normativas de limitação na questão do comércio. Decidimos que a partir de quarta-feira vamos começar a fazer a flexibilização na questão do horário, quais os tipos de comércio que vão voltar a ter o atendimento”, explicou o prefeito de Rio Pardo e presidente da Amvarp, Rafael Barros, após a reunião.


Ele ressaltou ainda que, em caso de necessidade, os prefeitos podem voltar a decretar o fechamento total do comércio.


O presidente do Consórcio Intermunicipal de Serviços do Vale do Rio Pardo e prefeito de Pantano Grande, Cassio Nunes Soares, confirmou a retomada gradativa a partir de quarta-feira.


"Não queremos tomar nenhuma medida tempestiva, por isso ainda vamos aguardar um novo decreto do governador e orientações do Ministério da Saúde para definir o tamanho dessa flexibilização", concluiu o prefeito.


Um estudo orientativo a todos os municípios será elaborado pelo representante no Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do RS (Cosems/RS), Ramon Schwengber, juntamente com o Cisvale e a Amvarp. O documento trará recomendações para os ambientes de trabalho no comércio e empresas durante a pandemia do coronavírus. Outro assunto debatido na assembleia foram as negociações entre o Cisvale e a Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc) para a realização de testes de covid-19 em pacientes do Vale do Rio Pardo. As tratativas ainda estão na fase inicial, com a Unisc avaliando a capacidade de atender a esta demanda regional.


65 visualizações0 comentário